Canção do Exílio Paulistana


Essa é a minha Canção do Exílio Paulistana canto porque tanto minha terra como insana preconceito regional segregação social acham que na periferia só existe o mal

É simplório mas Itaquera é meu território aqui eu nasci cresci vivi

Na rua, o jogo de bola e as tardes de bicicleta fase dos anos de escola nem sonhava em ser poeta

Aqui, aprendi o que é namoro encontrei o riso e o choro arrumei emprego fui à universidade aos poucos construindo fui minha identidade

Pena

pena que minha região sempre foi esquecida lembrada apenas nas más notícias pela criminalidade ficou conhecida

Lugar que agora pra ter solução vão ter que engolir, sim, monte de cota e recebeu da mídia atenção somente por conta de uma copa e por falar em copa...

o que dizer de tanto discurso idiota que na mídia surgiu? vindo da boca daqueles que falavam "ah! mas Itaquera ficava na puta que pariu!" A elite, burguesa, queria a copa em bairros tipo Morumbi maior preconceito com o tudo que nóis construiu aqui Fizeram alarde sobre corrupção por conta da construção do estádio Itaquerão mas, na real, era preconceito acharam que pra fazer evento importante a ZL não tinha condição

Diz aí por que separam SP entre Zonas Nobres e Zona Leste porque tratam que vem de Itaquera, São Mateus, Tiradentes como como peste Zona nobre... Zona Leste qual é a diferença? qual o motivo da sua indiferença?

Violência, trânsito e favelas pobreza, injustiças e outras mazelas não é falta de sorte o mesmo eu vejo na sul, na oeste e na norte

Realidade estigmatizada realidade esquecida julgam não haver aqui qualidade de vida não sabem que em nossos saraus há também gente boa e querida?

Temos nossas culturas temos nossa literatura temos nossas batalhas, saraus, slams temos nossos bares temos nossos pares temos nossos parques escolas, universidades, artistas e intelectuais o que a porra dos bairros nobres têm a mais?

Não se avalia pelo poder aquisitivo mas por tudo que é vivo em nossa trajetória por tudo que faz parte de nossa história. (e aqui com poesia construímos nossa memória)

Nosso céu também tem estrelas ocultadas pela poluição no Parque do Carmo tem mais vidas, flores e amores mas não gostam dele só porque é de Itaquera quisera ele recebesse prestígios de Ibirapuera

No meu bairro tem um parque onde canta um sabiá as aves que aqui gorjeiam em nada perdem pra porra das aves de lá

Inscreva-se para receber novidades

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco

©2020 por Daniel Carvalho e Kerstin Buck

DANIELGTR - CNPJ: 36.240.550/0001-25 - São Paulo, SP
danielgtr@gmail.com